Prefeitura de Barueri divulga a data do retorno das aulas.

Após reunião na última segunda-feira (dia 25) entre prefeitos dos municípios que integram o Consórcio Intermunicipal da Região Oeste (Cioeste), ficou acertado o início das aulas presenciais para o dia 1º de março. O encontro resolveu ainda que o ano letivo de 2021 inicia no dia 8 de fevereiro com as aulas on-line.

Em Barueri o calendário prevê uma ampla reunião de pais já no próximo dia 6 de fevereiro. O encontro será realizado de forma virtual, por intermédio de plataforma a ser divulgada pela gestão de cada uma das 110 escolas da rede municipal.

Ao longo de toda a semana as Coordenadorias de Educação Infantil e Ensino Fundamental realizarão encontros pedagógicos e também orientações sobre a importância do cumprimento ao rigoroso protocolo de higiene e segurança a ser implementado em todas as unidades de ensino de Barueri.

De acordo com o prefeito Rubens Furlan, a nova data visa garantir a segurança de alunos e professores. “Entendemos que no dia 1º de março uma grande parte dos professores da rede estarão vacinados. Esta é uma forma que encontramos para não prejudicarmos esse ano letivo e impedir que esse vírus faça um estrago maior para o processo de aprendizagem de nossas crianças e jovens”.

Para o cumprimento dos protocolos que priorizem toda segurança aos alunos, professores, gestores e funcionários das escolas, uma série de medidas foi colocada em prática: reforma das escolas para garantir ventilação e distanciamento social, criação de banners e cartazes com orientações sobre a prevenção à Covid-19, distribuição de EPI´s como álcool em gel, higienizadores, máscaras, entre outros materiais para todas as unidades de ensino.

Além da preocupação com a eficiência da estrutura física das escolas, os estudantes da rede também poderão contar com material e uniforme novos. Durante toda a semana a Secretaria de Educação está enviando os kits com material escolar e uniformes completos aos estudantes.

Nesta semana também chegam mais de 5 mil novos chromebooks, adquiridos para as aulas das escolas da rede deste ano letivo.

De acordo com Celso Furlan, a Secretaria de Educação não está poupando escorços para que o retorno das aulas aconteça da forma mais segura possível. “Vamos seguir garantindo a aprendizagem e a saúde física e emocional de nossos alunos”, disse.

FONTE: https://www.oanhanguera.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *